“Sou do tipo de pessoa que não guarda mágoa, mas também não sofro de amnésia.”

tags:
( 1 year ago · 16,584 notes · reblog · if you like tweet )
postado por sex-s · reblogado de 10encantar

Sempre estivesse ao seu lado,te dando apoio,te ouvindo,fazendo o maximo para que voce estivesse confortavelmente bem.Agora,que não pude estar ao seu lado, você vem e me apedreja de uma tal maneira, inescapável.Eu não entendo, você age como se eu tivesse que respirar para você.Entenda uma coisa,eu não sou seu escravo,não tenho obrigação de limpar o chão que você pisa.Eu te amo,ta,fato,mas amar e ser capacho são coisas totalmente diferentes,entenda isso.E o mais impressionante e que,quando eu preciso de você,não te vejo em lugar algum.Então não exija nada de min e,não espere por min da próxima vez,adeus …

dopolelune



tags:
( 1 year ago · 52,358 notes · reblog · if you like tweet )
postado por viridiandreamer · reblogado de s-m0key

NA BOA, EU MORRI COM ESSES FATOS KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK


tags:
( 1 year ago · 3 notes · reblog · if you like tweet )
postado por wonderful-katyperry · reblogado de wonderful-katyperry

tags:
( 1 year ago · 4,325 notes · reblog · if you like tweet )
postado por t-1-t-a-n-i-u-m · reblogado de caapinheiro

tags: @esses olhos ...  
( 1 year ago · 168 notes · reblog · if you like tweet )
postado por useyourluvs · reblogado de wonderful-katyperry

Já parou pra pensar que hoje é junho, e que seis meses passaram e porra nenhuma mudou?


tags:
( 1 year ago · 5,032 notes · reblog · if you like tweet )
postado por lanfalls · reblogado de caapinheiro

Ingênuas essas pessoas que acham que eu não percebo as coisas.


tags:
( 1 year ago · 122,099 notes · reblog · if you like tweet )
postado por sabedorias · reblogado de caapinheiro

tags: @que foda  
( 1 year ago · 363 notes · reblog · if you like tweet )
postado por mjolnire · reblogado de forgetistoforgive

naestradadafelicidade:

Ter tudo, e ao mesmo tempo não possuir nada! Deparo-me com esse paradoxo em minha vida, essa coisa contraditória de sempre querer ter algo a mais, de sempre sentir falta de um tempero diferente nessa minha vida tão vazia e sem graça. Eu vago pelas ruas frias do destino, em busca de algo que consiga me completar, de algo que consiga saciar essa minha vontade de me sentir inteira. É como se tudo que chegasse até mim, fosse fraco demais, descartável demais, é como se esse todo se transformasse em ”nada” nessa minha grande busca ao desconhecido. Não sei aonde ir, não sei a quem procurar, não sei o que falar, o que sentir, o que pensar, estou apenas caminhando na esperança de achar algo ou alguém que me mostre o lado ousado da vida, alguém que me tire desse poço de enfermidade e que me leve para conhecer o topo. Mas, Deus me livre ser algo efêmero, algo perecível, transitório. Almejo algo sem prazo de validade, algo realmente capaz de me mostrar o tal lado desconhecido de mim mesma que ainda não fora explorado. Esse lado misterioso e diferente que eu nunca imaginei possuir antes. Poucas pessoas me conhecem de verdade, algumas chegam a conhecer apenas a minha ”capa”, essa capa que esconde algumas interferências do meu sub inconsciente, alguns medos e desejos obscuros. Eu sei fingir muito bem, na verdade, eu finjo ser outra pessoa todos os dias, porém agora essa farsa estar prestes a acabar. Eu quero viver de verdade, cansei de ser essa bonequinha de porcelana que todos gostam de brincar e observar, mas que no fundo, ninguém nunca quis cuidar de verdade. Estou em busca de tudo aquilo que sempre desejei encontrar, mas nunca tive tempo para explorar, pois estava ocupada demais tentando agradar a todos a minha volta. Chegou a minha hora, a hora de eu lutar por mim, e não pelos outros! — Mallú Viterbo (nedf)


“Um dia a tomarei para min,e abusarei de todo o seu amor,ate que ele se esgote,e eu volte a ter um amor não correspondido,da maneira que eu gosto:com rejeição,desejo e muita paixão.Depois,me derramarei em teus braços como a aguá que lava seus pés e teu corpo,e a deixarei endeusada,e te provarei que meu coração é dela,como em uma canção de amor daquelas de tirar infinitas lagrimas dos olhos.É mesmo depois de tudo isso,farei mais,farei mais do que palavras podem expressar ou simplesmente descrever,pois o amor verdadeiro é assim,sem fim,somente com um começo e com um sentimento eterno …
Ever,Who Knew ?

Theme